Arquivos da categoria: Músicas

Sol forte

Quando eu caminho ao lado dela Eu sou um homem melhor Quando eu tento deixa-la Eu sempre retorno cambaleando Uma vez construí uma torre de marfim Para poder idolatrar de cima Quando eu desço para ser libertado Ela me leva

Sol forte

Quando eu caminho ao lado dela Eu sou um homem melhor Quando eu tento deixa-la Eu sempre retorno cambaleando Uma vez construí uma torre de marfim Para poder idolatrar de cima Quando eu desço para ser libertado Ela me leva

Canção amiga

Eu preparo uma canção em que minha mãe se reconheça, todas as mães se reconheçam, e que fale como dois olhos. Caminho por uma rua que passa em muitos países. Se não me vêem, eu vejo e saúdo velhos amigos.

Canção amiga

Eu preparo uma canção em que minha mãe se reconheça, todas as mães se reconheçam, e que fale como dois olhos. Caminho por uma rua que passa em muitos países. Se não me vêem, eu vejo e saúdo velhos amigos.

As Rosas Não Falam

Bate outra vez Com esperanças o meu coração Pois já vai terminando o verão Enfim Volto ao jardim Com a certeza que devo chorar Pois bem sei que não queres voltar Para mim Queixo-me às rosas Mas que bobagem As

As Rosas Não Falam

Bate outra vez Com esperanças o meu coração Pois já vai terminando o verão Enfim Volto ao jardim Com a certeza que devo chorar Pois bem sei que não queres voltar Para mim Queixo-me às rosas Mas que bobagem As

Qualquer Caminho

Um dia eu era menino Nos prédios de Belo Horizonte Nas ruas de Copacabana Três Pontas, Chile e Bahia. Mas meu coração não contava Crescer na cidade vazia. Eu nunca ia sozinho Trazia caminhos no ombro Botina suja de estrelas

Qualquer Caminho

Um dia eu era menino Nos prédios de Belo Horizonte Nas ruas de Copacabana Três Pontas, Chile e Bahia. Mas meu coração não contava Crescer na cidade vazia. Eu nunca ia sozinho Trazia caminhos no ombro Botina suja de estrelas

Are You Going With Me?

Are You Going With Me?, Pat Metheny

Are You Going With Me?

Are You Going With Me?, Pat Metheny

Matte Kudasai

Still, by the window pane Pain, like the rain that’s falling She waits in the air Matte Kudasai She sleeps in a chair in her sad America When, when was the night so long? Long, like the notes I’m sending

Matte Kudasai

Still, by the window pane Pain, like the rain that’s falling She waits in the air Matte Kudasai She sleeps in a chair in her sad America When, when was the night so long? Long, like the notes I’m sending

Joana Francesa

Tu ris, tu mens trop Tu pleures, tu meurs trop Tu as le tropique Dans le sang et sur la peau Geme de loucura e de torpor Já é madrugada Acorda, acorda, acorda, acorda, acorda Mata-me de rir Fala-me de

Joana Francesa

Tu ris, tu mens trop Tu pleures, tu meurs trop Tu as le tropique Dans le sang et sur la peau Geme de loucura e de torpor Já é madrugada Acorda, acorda, acorda, acorda, acorda Mata-me de rir Fala-me de